Header Ads

DICAS DE SAÚDE

Você Sabia?
As chuvas são um fenômeno natural, tem uma beleza inexplicável, porém tem um lado preocupante. A enfermeira, Ríssia Kelly, nos dará dicas e orientações de sinais e sintomas sobre doenças ocasionadas pelas chuvas.
CUIDADOS NO PERÍODO CHUVOSO
O período chuvoso é uma ótima e necessária estação do ano, entretanto, devemos redobrar nossa atenção com relação ao aparecimento de algumas doenças, como as infecções virais (gastroenterocolites e enterovírus), as quais possuem sintomas como vômito e diarréia, podendo em alguns casos ocorrer febre.
A prevenção é simples! Recomenda-se a ingestão de água tratada (filtrada, fervida ou mineral), e os alimentos também precisam ser muito bem lavados.
Outro fator de importante relevância nesse período, são as doenças ocasionadas pelo mosquito Aedes Aegypti (DENGUE, CHIKUNGUNYA e o ZIKA VÍRUS), visto que o período de chuvas é considerado ambiente perfeito para sua proliferação, sendo transmitida pela picada do mosquito que está infectado pelo vírus transmissor da doença, cujos sintomas são febre, dores de cabeça, cansaço, dor muscular, indisposição, vômito, enjoos, manchas vermelhas na pele, dor no abdômen e articulações.
O ciclo de vida do mosquito depende da temperatura e umidade: no verão a incidência é de 8 a 10 dias, já no inverno, o ciclo tem duração de até 3 meses, em que o ovo pode se manter vivo por até um ano, sem água.
Aos detectar os primeiros sintomas, procure um serviço de saúde. Cuidado! Não se automedique, pois alguns medicamentos são contraindicados, podendo agravar a doença; repouso e ingestão intensiva de líquido são as medidas mais recomendadas. Só existe uma cura e está em nossas mãos: a PREVENÇÃO. Fazendo nossa parte combatemos o mosquito; e essa conscientização começa por nossa casa, protegendo-a da ameaça.
Devemos ficar atentos aos terrenos baldios, construções e pedaços de terra abandonados. Não deixe água parada em recipientes como pneus, garrafas, vasos de plantas, ralos e calhas, e depósitos de água como caixas d´água devem estar devidamente tampadas. Outra medida muito importante, lave bem os recipientes de água, pois o mosquito não deposita seus ovos diretamente na água, eles ficam grudados nas paredes dos recipientes em contato com a água.
Juntos contra o mosquito ele não tem vez!

Tecnologia do Blogger.